Barbados, um tesouro entre as Américas

3 de maio de 2023
Gisele Abrahao

O que você conhece de Barbados? Quando você consegue viajar para diversos lugares espalhados pelo mundo, você acaba abrindo horizontes que nunca teria aberto antes. Essas viagens são aprendizados e descobertas incríveis que você levará para sempre.

Em especial, uma pequena ilha situada na América Central, localizada entre as Américas do Sul e do Norte, acabou se transformando em um verdadeiro tesouro quando descobri. Tesouro natural, tesouro cultural… e muito mais.

Barbados - Um tesouro entre as Américas - Crédito Visit Barbados
Crédito: Visit Barbados

Barbados é uma ilha no Caribe com características muito particulares. Com sol praticamente todos os dias do ano, o país tem mais de 60 praias públicas e tem um diferencial muito legal entre suas costas. As que estão localizadas no leste são mais agitadas e banhadas pelo Oceano Atlântico, o que as tornam propícias para esportes aquáticos, entre os mais famosos estão o surfe, kitesurfe, windsurfe, caiaque e vela.

Do outro lado, na costa oeste banhadas pelo mar do Caribe, as praias ganham um tom paradisíaco com águas calmas e cristalinas, perfeitas para relaxamento e passeios de catamarã. São dois estilos diferentes em um único destino.

Devido a sua formação geológica diferente das outras ilhas do Caribe, que se formaram a partir de erupções vulcânicas, Barbados se formou após um choque entre placas tectônicas, sendo essa razão que sua ilha é formada por corais e tem diversas cavernas como paisagem.

Barbados - Um tesouro entre as Américas - Crédito Visit Barbados
Crédito: Visit Barbados

Esse presente natural deu ao país um atrativo muito forte para os visitantes do mundo inteiro. O mergulho pelos recifes de corais e também nos navios naufragados ao longo do tempo é uma ótima oportunidade para entrar em contato com a fauna e flora barbadiana.

Em toda a ilha existem praias escondidas que formam cenários incríveis e são ótimas para relaxar na areia ou para fazer trilhas e caminhadas. Falando em trilhas, as de Barbados passam por plantações de cana, florestas tropicais, comunidades costeiras e outras paisagens. Elas permitem que você conheça mais sobre as estruturas naturais e sociais da ilha, além da história do local, antes de chegar no destino final em algum mirante ou praia deserta.

Conhecer a história e cultura de um lugar é sempre uma das principais experiências que destaco em uma viagem. São essas características que diferenciam as pessoas de todos os outros povos do mundo. Estar aberto para entender como funciona a rotina daquela população faz toda a diferença, além de trazer muitas aprendizagens. 

A história conta que os portugueses chegaram primeiro em Barbados, em meados de 1500. Foram eles, inclusive, que deram o nome à ilha, devido às suas árvores com cipó, parecidas com barbas. Mas aproximadamente em 1625, chegaram os primeiros navios britânicos para se instalarem na ilha e a transformaram em uma das grandes colônias inglesas da região. Barbados foi até apelidado por um tempo de Pequena Inglaterra.

Barbados ficou conhecido por rotas comerciais importantes de cana-de-açúcar e rum. Inclusive, o país é considerado o berço da criação da bebida. A ilha é famosa por fabricar o rum mais antigo do mundo e conta com lugares bem diferenciados para degustar e conhecer um pouco mais sobre a história da bebida.

Barbados - Um tesouro entre as Américas - Crédito Visit Barbados
Crédito: Visit Barbados

Mesmo após a sua independência em 1966, os costumes e tradições dos colonizadores ingleses ficaram enraizados no povo de Barbados, como tomar chá à tarde com bolos acompanhando uma bela conversa em praticamente todos os hotéis e casas. Eles também dirigem seus veículos do lado direito da via, são pontuais e muito educados, além de seus esportes mais famosos serem o pólo, críquete, golfe e tênis. Assim como o sistema educacional e judicial iguais, algumas regiões e bairros levam nomes originais de locais da Inglaterra.

Barbados é uma combinação entre uma atmosfera e magia de destinos caribenhos, sempre relacionados com praias e cenários naturais de tirar o fôlego, noite animada com música ao vivo, pista de dança, drinks e muita comida, completando-se com as raízes e costumes britânicos, como mencionei acima. 

Essa riqueza cultural com heranças britânicas e também natural, de diferentes estilos de praias e vasta oportunidade de experiências aquáticas, é um dos aspectos muito importantes que elevam as características de Barbados e o colocam no mapa de qualquer viajante.

Agora uma dica… viaje sempre que puder, para qualquer um dos lugares pelo mundo.

VEJA também NO LPM!